O  piloto jundiaiense de mountain bike Rafael Augusto, o Amarelinho, ficou a sexta posição na segunda etapa da Copa do Brasil, em São Vicente, no Morro da Asa Delta. Um erro de Amarelinho na parte final da prova em um trecho cheio de pedras tirou o pódio do piloto, que enfrentou um final de semana bem complicado.

“Quase deu pódio, mas por conta de um erro acabei ficando fora, porque atrapalhou minha descida. Porém estou satisfeito, já que passei algumas dificuldades aqui desde sábado por conta de uma queda ocasionada por um piloto que estava na minha frente. Acabei tomando um remédio com relaxante muscular e meus braços fadigaram muito já na primeira descida. Meu corpo não estava respondendo bem com esse conjunto de coisas e isso acabou facilitando um possível erro ou até mesmo uma queda. Não consegui render muito bem”, disse.

Mesmo assim, Amarelinho comemorou a sexta posição. “Estou levando 140 pontos de 200 que poderiam ser alcançados para Jundiaí. Estou triste pelo lado que eu poderia ter rendido mais, mas não tive tanta culpa também e estou feliz por ter concluído o trabalho com tranquilidade e conseguindo levar um bom resultado e pontos pra casa”, concluiu.

Amarelinho é o atual campeão da Copa do Brasil de Downhill categoria sub-30. Na primeira etapa disputada em Teresópolis, ele subiu ao pódio e ficou na quarta colocação. A competição é promovida pela Confederação Brasileira de Mountain Bike e tem cinco etapas.