Vôlei de Jundiaí inicia temporada neste fim de semana

Vôlei

Vôlei de Jundiaí inicia temporada neste fim de semana

O vôlei de Jundiaí entra em quadra neste fim de semana para a disputa do Torneio Início da Copa Regional, promovida pela Liga Regional de Vôlei de Campinas. O time Infantil Feminino (Sub-17) joga neste sábado, e o Mirim Feminino (Sub-15), no domingo. A disputa em ambas as categorias será no ginásio municipal de Valinhos.

Outras quatro equipes de Jundiaí vão disputar a Copa Regional. O Torneio Início da categoria Adulto Masculino acontece no dia 1 de abril, em Valinhos. O Adulto Feminino joga no dia 2, em Jundiaí. O time Iniciante Feminino (Sub-13) no dia dia 8, em Tietê. Já para a equipe Infantil Masculino (Sub-17) ainda não há data e local definidos para a realização do Torneio Início.

No Torneio Início, os jogos são disputados em um único set de 25 pontos. Quem vence, avança. Quem perde, se despede. Simples assim. Apenas a final é jogada em melhor de três sets, sendo os dois primeiros de 21 pontos e o terceiro, se necessário, de 15 pontos.

Moacir Regra comanda um time renovado.

Time renovado

Atual bicampeão da Copa Regional, o time Infantil Feminino (Sub-17) de Jundiaí não terá vida fácil para manter-se no topo.

O elenco sofreu uma grande reformulação em relação à temporada passada. “Muitas meninas estouraram a idade, mantivemos apenas 40% do grupo do ano passado”, afirma o técnico Moacir Regra. “É um time bom para o ano que vem. Vamos usar este ano para dar experiência às meninas, preparar o grupo. Mas é claro que se os resultados vierem já, melhor”.

Para ele, o Torneio Início servirá como um termômetro do que será o campeonato. “Vai dar pra avaliar os times, ter uma noção do que vem pela frente. O resultado (no Torneio Início) pouco importa”, diz.

A ponteira Alanis é uma das remanescentes do ano passado. Apesar dessa grande renovação, ela acredita que o time de Jundiaí pode seguir entre os melhores do campeonato. “A preparação está muito boa, acho que podemos sim brigar pelo título novamente”, afirma.

A ponteira Alanis é uma das poucas jogadoras da temporada passada que permaneceram no time infantil.

Desafio

Se Moacir Regra tem um time bastante renovado em mãos, o mesmo acontece com Ademir Zamboni, responsável pela categoria Mirim (Sub-15).

Além de perder meninas que subiram de categoria, ele ainda viu duas importantes jogadoras deixarem o time de Jundiaí para atuar em outras equipes. A levantadora Camila foi para o Corinthians e a central Giovana para o Valinhos.

“Eram jogadoras importantes, principalmente a Camila, uma menina diferenciada. Perdemos muito sem ela”, lamenta.

Ademir Zamboni perdeu levantadora e central para outros times.

Para formar o elenco, Ademir recrutou meninas que participaram do ‘peneirão’. “Nosso trabalho é esse, de garimpagem e formação”, diz.

No ano passado, o resultado em quadra não foi dos melhores. O time ficou na Série Prata da Copa Regional. “Vamos lutar para melhorar isso, embora o trabalho tenha sido satisfatório, apesar do resultado. Tivemos uma evolução”, comenta.

 

Gustavo Amorin
Gustavo Amorim
Gustavo Amorim
Gustavo Amorim
Gustavo Amorim
Gustavo Amorim
Gustavo Amorim
Gustavo Amorim
Gustavo Amorim
Gustavo Amorim

Comente
Subir
X