Na última segunda-feira, o prefeito Luiz Fernando Machado anunciou, alegando problemas financeiros, que Jundiaí estava fora dos Jogos Regionais em Sorocaba 2017 e consequentemente dos Jogos Abertos. Após a desistência, a preocupação era se a cidade poderia sofrer algum tipo de punição e ficar fora também do ano que vem.

Nesta sexta-feira, porém, o Governo do Estado se pronunciou em nota e tranquilizou todos. “A Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo (SELJ) informa que os municípios que ainda não enviaram lista de inscrição de atletas para os Jogos Regionais e, por ventura, não participarem da competição, não sofrerão nenhum tipo de punição”, diz a nota.

A última vez que Jundiaí ficou de fora de uma competição desse porte foi em 2015, quando a demora para a definição da sede dos Jogos Abertos do Interior provocou a desistência da cidade. Barretos só aceitou o convite em 21 de outubro daquele ano e a competição aconteceu já em dezembro.

No ano passado

Em 2016, a competição foi disputada em Avaré e Jundiaí levantou a taça de vice-campeã. A cidade garantiu 298 medalhas, sendo 136 de ouro, 106 de prata e 56 de bronze. Sorocaba ficou com o título.

O Jogos Abertos foi disputado em São Bernardo do Campo. Jundiaí ficou na 9ª colocação na classificação geral da Primeira Divisão, com 72 pontos. A anfitriã da competição foi a campeã da edição, com 337 pontos, seguida por São José dos Campos, com 293 pontos, e Piracicaba, com 270 pontos.

Ao todo, Jundiaí trouxe para casa 42 medalhas, sendo 11 de ouro, 17 de prata e 14 de bronze.