A primeira divisão do campeonato amador de futebol de Várzea Paulista é disputada desde o dia 25 de junho e, apesar de estar apenas na terceira rodada, a competição chama a atenção. Isso porque os números do campeonato promovido pela Prefeitura e as inovações impressionam.

Com um público de mais de 1.500 pessoas, em média, os jogos vem tendo incríveis 2,95 gols por jogo e praticamente nenhum incidente, além do enorme engajamento da população através das redes sociais, colocando o torneio no topo das postagens mais curtidas e comentadas da cidade.

Mais de três mil assistem às transmissões ao vivo pela internet
Pela primeira vez o campeonato é transmitido ao vivo pela internet, através da WebTV Conquista, e vem tendo um enorme sucesso, com mais de três mil visualizações por jogo em média.

“A transmissão ao vivo com narração e reportagem é um diferencial fantástico para o campeonato amador de Várzea Paulista, pois, assim todos os torcedores podem acompanhar os jogos mesmo quando não conseguem ir aos campos, basta acessar a internet”, explica Tiago Silso das Neves, Gestor de Esporte, Cultura e Lazer.

Cartão vermelho solidário
Outra grande novidade desse ano no amador é a punição imposta ao jogador que é expulso. Além da suspensão automática no jogo seguinte, o atleta que recebe cartão vermelho tem a opção de doar uma caixa de leite ao Fundo Social de Solidariedade. Caso não queira fazer a doação, o atleta terá que cumprir mais dois jogos além do automático. Até a segunda rodada já haviam sido entregues mais de 80 litros de leite provenientes de expulsões.

80 litros de leite já foram arrecadados

Álbum de figurinhas
Um projeto ousado, inédito e muito criativo é o Álbum de Figurinhas do Campeonato Amador de Várzea Paulista. Produzido nos moldes dos tradicionais colecionáveis de grandes torneios como Copa do Mundo e Brasileirão, o álbum trará a foto dos atletas, comissão técnica, torcida e escudos de todos os times.

O álbum custará R$15,00 e os pacotes com cinco figurinhas, R$2,00, podendo ser adquiridos apenas nas sedes das equipes. “É um projeto que, além de valorizar bastante o nosso futebol amador, ainda pode gerar renda às equipes. Isso entrará para a história do esporte da nossa cidade”, completou Tiago.

Álbum começará a ser comercializado na cidade

Prêmio ao campeão
A equipe campeã, além do título, ganhará um passeio até a Cachoeira dos Pretos, em Joanópolis. Todo time, comissão técnica e diretoria – 46 pessoas- serão premiados.