Sérgio Caetano é suspenso e não dirige Galo na despedida

Paulista

Sérgio Caetano é suspenso e não dirige Galo na despedida

O Paulista não terá o técnico Sérgio Caetano à beira do gramado no jogo que marcará sua melancólica despedida da Série A3, no próximo domingo, diante do Taboão da Serra, no Jayme Cintra.

O treinador foi suspenso por uma partida pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) de São Paulo, pela expulsão na partida contra a Portuguesa Santista.

Sérgio Caetano foi julgado no artigo 258 (“Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva; desrespeitar os membros da equipe de arbitragem, ou reclamar desrespeitosamente contra suas decisões”).

O treinador foi expulso pelo árbitro Flávio Roberto Mineiro Ribeiro já no finalzinho do jogo. De acordo com a súmula da partida, ele xingou um jogador da Portuguesa Santista, gerando conflito entre os integrantes do banco de reservas dos dois times. Na saída de campo, ainda segundo a súmula, Sérgio Caetano também ofendeu o quarto árbitro da partida.

O auxiliar técnico Ivan Canela também foi expulso naquela partida, por trocar empurrões com um integrante da comissão técnica da Briosa. No julgamento de segunda-feira, ele foi apenas advertido.


Comente
Subir